segunda-feira, 2 de março de 2009

Palavras


De um amigo recebi um desses e-mails que andam por aí a circular na net já há vários anos. Dele transcrevi algumas das frases que se coadunam mais com a minha maneira de ser e de pensar e deixo-as aqui para vossa reflexão.

  • Sabias que aqueles que parecem ter um coração muito forte, são na verdade fracos e mais susceptíveis?
  • Sabias que aqueles que passam o seu tempo protegendo os outros são aqueles que na verdade precisam que alguém os proteja a eles?
  • Sabias que as três coisas mais difíceis de dizer são: Amo-te, desculpa e ajuda-me?
  • As pessoas que dizem isto realmente sentem necessidade disto ou sentem-no, e são aqueles que realmente precisas de valorizar, porque o disseram.
  • Sabias que aquelas pessoas que se ocupam servindo de companhia para alguém ou ajudando os outros, são aqueles que realmente precisam de companhia e ajuda?
  • Sabias que aqueles que se vestem de preto, são aqueles que querem passar despercebidos e precisam da tua ajuda e compreensão?
  • Sabias que aqueles que necessitam mais da tua ajuda são aqueles que menos o mencionam?
  • Sabias que é mais fácil dizeres o que sentes escrevendo do que dizê-lo cara a cara? Mas sabias que tem mais valor quando o dizes na cara?

'Um dia, nós mudaremos o mundo... ou já o estamos a fazer', A BOLA ESTÁ AGORA NO TEU CAMPO... Se o mundo acabasse daqui a 24 horas, todas as linhas telefónicas, chat rooms e e-mails estariam saturados de pessoas enviando mensagens aos outros, dizendo: 'Arrependo-me de te ter magoado', 'Perdoa-me', 'Amo-te', 'Tenho-te em grande estima', 'Toma conta de ti' e também, 'Eu sempre te amei, mas nunca to disse'.
Enviar um comentário